LAURAARRUDA.COM

Onde Sua História É Notícia…

O que é Amiloidose Macular?

Já ouviu falar de Amiloidose Macular? Nem eu! Até pesquisar diversas vezes e não achar o motivo de uma coceira enlouquecida em uma região da minha costa.

Após, inúmeras pesquisas e até atendimento médicos no Reino Unido, o qual me diagnosticou se tratando de fungos. Só para explicar melhor, não só durante a pandemia, mas o atendimento médico aqui (Inglaterra) funciona, muitas vezes, por telefone. Então, enviei a foto ao contato do atendimento médico e em seguida, o clínico geral me receitou uma pomada para fungos. Em 10 dias, eu não vi nenhum resultado além de coçar mais e aumentar a ferida na região.

Minha maior preocupação era saber se a tal coceira era contagiosa, me preocupava com a minha família e, principalmente, com nossa filha. 

Desesperadamente, me recordei de uma amiga médica infectologista, a qual me indicou uma amiga de profissão que é dermatologista brasileira. 

Relatei meu caso a dermatologista, conforme foi dito ao médico que diagnosticou fungos. Há cerca de quatro anos atrás eu tive essa coceira e sempre pensava que estava relacionada a alimentação e/ou diabetes. Outro fator preocupante, visto que minha família possui relatos de diabetes. 

Então, havia engordado consideravelmente e iniciei um tratamento médico baseado a medicamentos, exercícios e alimentação saudável. A mancha com a coceira desapareceu. Os anos se passaram e há dois anos em Londres, a coceira voltou com tudo e o peso também.

Logo, iniciei outro tratamento (aquele que não havia terminado completamente) e após eliminar 10 quilos, nada da insuportável coceira sumir, inclusive, eliminei uma grande quantidade de açúcar, farinhas, leite e seus derivados na minha rotina.

Voltando na dermatologista brasileira, relatei todas essas informações, seguida de fotos antes e depois da pomada do fungos. A médica não teve dúvida sobre o meu diagnóstico: que se tratava de uma doença de pele – Amiloidose Macular.

Nunca na minha vida, ouvi esse nome tão diferente, creio eu que existem inúmeros nomes desses relacionados a doenças de pele que jamais ficamos sabendo, por isso a importância de procurar o seu médico e especialista da área, e de preferência procure outros diferentes diagnósticos até se sentir confiável de que encontrou a solução do seu problema ou doença!

Mas afinal de contas, o significa essa doença de pele?

A médica me relatou que é uma doença só da pele e, normalmente, fica em um só local das costas. Ela não se espalha, para o meu alívio, e também não é infecciosa, para minha tranquilização. Diferentemente do fungos, essa doença pode tocar que não se transmite. Além disso, não está relacionado a peso ou diabetes. Ela coça muito e por isso fica uma mancha amarronzada no local e não ficará coçando sempre, tende com o tempo amenizar, segundo a dermatologista.

Existem inúmeros tratamentos para reduzir a coceira, e um deles é não coçar hahaha… Fiquei chocada porque é uma loucura de coceira que só quem sente sabe.

Outra medida é utilizar cremes que podem aliviar a coceira e também colocar uma toalha umedecida com água gelada deixando em cima para aliviar a coceira. 

Cremes que contém capsaicina ou lidocaína aplicados 2 vezes ao dia aliviam a coceira insuportável. Outra dica que pode ser usada é uma pasta que contém mentol de 3% a 5% melhorará. O diagnóstico da médica sem dúvida me ajudou a lembrar que eu usei Vicki VapoRub (o famoso de todos os tempos) na coceira e isso me ajudou muito.

Infelizmente, ainda não se sabe muito dessa doença. A única informação que não se tem, exatamente, é o que motivou essa doença ou de onde ela vem?

O artigo é um relato pessoal e trata-se da minha experiência, ninguém está autorizado a automedicar, isso não é saudável e legal. Portanto, é preciso que você procure um profissional especializado para a área, ou seja, procure o seu médico e não desista de buscar o melhor! Não desista de você!!!!

#dermatotogiaesaude #dermato #dermatologista #saude #doencadepele #doencadapele #coceira #amiloidosemacular

Laura Arruda Online